Finalidade deste Blog

Olá, seja muito bem-vindo ao meu blog. Nele você encontrará textos de vários autores, inclusive o meu, é claro. Decidi fazer este blog para expressar meus pensamentos e minhas quimeras. Também estarei compartilhando mensagens bíblicas em texto e audio. Meu desejo é que você seja edificado. Então, deixe seu comentário e vejamos como nos edificaremos.

quinta-feira, 26 de outubro de 2017

“Diga-me com quem andas, que direi quem tu és…”

Pv 13:20 (NTLH)
“Quem anda com os sábios será sábio, mas quem anda com os tolos acabará mal.” 

“Diga-me com quem andas, que direi quem tu és…”

Certamente já ouviu algo parecido.
Quem sabe até o outro versículo bíblico que diz:
“Não se enganem: ‘As más companhias estragam os bons costumes.’” 1Co 15:33

O fato é que a Sabedoria nos ensina que existem pessoas tóxicas, nocivas, perniciosas, prejudiciais… enfim, pessoas que só de estar perto delas, já nos fazem mal, seja pela influência que elas podem exercer sobre nós, seja por suas práticas que podem atrair algum mal sobre todos que as cercam.

“Com gente assim vocês não devem nem comer uma refeição.” 1Co 5:11

Mas, e quando isso for inevitável? Como, por exemplo, no trabalho, na escola, faculdade…

Bem, sejamos Sal e Luz. Façamos a diferença ético-moral e iluminemos as vidas dos que nos cercam com o Evangelho do Senhor Jesus Cristo.

“O sal é uma coisa útil; mas, se perde o gosto, deixa de ser sal. É jogado fora, pois não serve mais nem para a terra nem para o monte de esterco. Se vocês têm ouvidos para ouvirem, então ouçam.” Lc 14:34-35


Leia a Bíblia:
Lucas capítulo 14
Mateus capítulo 10
Provérbios, um capítulo por dia, todos os dias…



terça-feira, 24 de outubro de 2017

Deixe de ser tolo!

Pv 12:1 (NTLH)
“Aquele que quer aprender gosta que lhe digam quando está errado; só o tolo não gosta de ser corrigido.” 

Orgulho é algo terrível, do ponto de vista pejorativo.
Aparenta prepotência, desprezo pelo que os outros são ou pensam…
Demonstra altivez, arrogância, soberba e vaidade.

Pessoas que têm resistência em aprender, demonstram esse tipo de orgulho, ou tolice, como Provérbios chama.

São pessoas que têm dificuldade de receber uma palavra de orientação, que ficam chateadas quando são corrigidas, iradas se são chamadas à atenção e até perdem amizade se ficarem “ofendidas”.

Isso, porque “o tolo pensa que sempre está certo, […] Quando o tolo é ofendido, logo todos ficam sabendo…” Pv 12:15-16

O discípulo de Jesus Cristo é diferente e busca viver a Sabedoria do SENHOR.

O discípulo “gosta que lhe digam quando está errado”, é como os sábios que aceitam conselho, e mesmo quando recebe uma correção mais dura ou ríspida age como o prudente, que “faz de conta que não foi insultado.”  Pv 12:1;15 e 16

O discípulo reconhece e se submete à “sabedoria que vem do alto [pois Ela] é antes de tudo pura; depois, pacífica, amável, compreensiva, cheia de misericórdia e de bons frutos, imparcial e sincera.”
Tg 3:17

Deixemos a tolice, o orgulho, e sejamos mais discípulos de Jesus Cristo que vive a Sabedoria que vem do alto.


Leia a Bíblia:
1Co capítulo 13
Tiago capítulo 3
Provérbios, um capítulo por dia, todos os dias…



sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Alegria pela morte dos maus

Pv 11:10 (NTLH)
“A cidade fica contente com o sucesso das pessoas honestas, e há gritos de alegria quando morre um homem mau.” 

O politicamente correto e o incorreto estão em discussão nas rodas de conversas, em programas de tv, publicados em livros, artigos, memes, posts, lista de transmissão e “o diabo a quatro”…

A sabedoria bíblica nos convida ao bom senso, moderação, prudência…
Jesus disse:
“Aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração…” Mt 11:29

Mas, a sabedoria bíblica também é honesta quanto às nossas emoções, sofrimento, alegrias e tristezas…

O povo fica contente mesmo com a prosperidade das pessoas honestas, pessoas de bem. 
A cidade fica melhor, mais segura, limpa, saudável, feliz.
A prosperidade em todas as áreas traz essa condição bem aventurada.

Entretanto, quando os maus mantêm sua mão opressora, suas calúnias difamatórias, sua corrupção desenfreada, sua injustiça recorrente, sua perversidade contínua e imposição de tormentos, é claro que sua morte trará alívio. 

Gritos de alegria pela morte dos maus!

Para desespero dos românticos, ingênuos e infantis na fé, é isso mesmo que está escrito.

Leia a Bíblia:
Salmo capítulo 137
Habacuque capítulo 1
Provérbios, um capítulo por dia, todos os dias…




quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Correspondendo a Deus

Pv 10:7 (NTLH)
“Os bons serão lembrados como uma bênção, porém os maus logo serão esquecidos.” 

Como correspondemos às oportunidades oferecidas por Deus em nossas vidas?
Entenda-se por oportunidade o conjunto de situações, ocasiões e circunstâncias, boas ou ruins, em que somos desafiados a responder com uma atitude, um pensamento, uma postura, enfim, se posicionar diante de tais ocasiões.

A vida é cheia de oportunidades. A maneira como correspondemos a elas vai determinar a nossa memória, a maneira como seremos lembrados.

Qual será o nosso epitáfio? O que estará escrito em nossa lápide? O que vão dizer em nosso sepultamento?

Claro que nem queremos pensar nisso agora… Afinal, é mórbido demais…

Também nem temos essa cultura de epitáfio…
Além disso, geralmente nessas ocasiões há pouca sinceridade e até mesmo o mais detestável ser acaba sendo elogiado por pequenas vidas que estão ali para zombar de sua morte em seu íntimo. Existem, graças a Deus, exceções…

Mas, o que o capítulo 10 de Provérbios trata é a maneira como lidamos com o que nos é oferecido na vida  diária e sua consequência no aqui-agora e no além-eterno.

Ou seja, o sábio, humilde, prudente, honesto e fiel será abençoado, terá sua memória preservada e viverá eternamente com as maravilhas da graça de Deus. Isso tudo porque correspondeu a Deus segundo a sua vontade, propósito e soberania.

Já o rebelde, tolo, soberbo, displicente, desonesto, infiel, desajuizado e orgulhoso será punido. Sim, é uma palavra difícil hoje em dia… Mas, é a punição que é reservada para gente dessa categoria, pois disciplina foi feita para os que são amados de Deus e O reconhecem como seu SENHOR.
Para os tolos e soberbos, infiéis e altivos, desonestos e rebeldes, Deus tem punição.
Tanto aqui e agora, colhendo em seu tempo a desgraça semeada, quanto na eternidade, ardendo em chamas inextinguíveis.

É duro de se ouvir ou ler… Mas, é a realidade. Leia o capítulo todo e se tiver mais interesse, leia as sugestões de textos bíblicos. Você verá que com Deus não se brinca. Ele tem sido paciente e longânimo, porém, todos nós, um dia O veremos face a face.

O que apresentaremos para Ele?

Como temos correspondido à graça dEle?

Quais as oportunidades de você construir uma memória abençoada e manter-se fiel a Deus?

Leia a Bíblia:
Isaías capítulo 1
2 Pedro capítulo 3
Provérbios, um capítulo por dia, todos os dias…





sexta-feira, 13 de outubro de 2017

A Construção da Vida

Pv 9:1 (NTLH) “A Sabedoria construiu a sua casa sobre sete colunas.” Construção envolve tempo, energia e conhecimento para evitar desperdício, retrabalho e insatisfação com a obra desejada. Nossa vida é uma construção sócio-espiritual que está sempre em obra. Existe ampliação constante, reformas necessárias de tempos em tempos, ajustes e aperfeiçoamentos para melhor servir a vida… Entretanto, mesmo vivendo nessa dinâmica e mudança, uma construção precisa de pilares, colunas… São fundamentos sobre os quais uma obra é bem consolidada e oferece segurança e robustez para superar as intempéries enfrentadas. Quais seriam essas 7 colunas que a Sabedoria ergueu para construir sua casa? 1º Investimento – “Matou animais para a refeição…” Investir na construção da sua vida envolve sacrifícios, investimento de tempo, dedicação às tarefas e disciplinas espirituais, compromisso com a Igreja, com a Família, com Deus, com Oração, Leitura da Palavra… Tem muita gente que diz: “eu preciso gastar tempo para isso ou aquilo…”, prefira pensar em: “eu farei um investimento nisso ou naquilo….”. Uma mudança de mente, traz uma mudança de disposição… 2º e 3ºCelebração e Comunhão – “preparou vinho e pôs a mesa.” Celebrar a vida! É interessante como a celebração é tema recorrente na prática de vida devocional na história do povo de Deus. Vida cristã é alegre, vibrante… Vida que celebra a Deus, a comunhão, o louvor, o ensino, e discipulado, e crescimento espiritual… Vida que supera problemas sem perder a GRAÇA, sem perder a ternura, o amor… 4º Proclamação – “Enviou suas servas para fazerem convites desde o ponto mais alto da cidade…” Compartilhar, proclamar, anunciar… Somos chamados para isso! Se isso é um pilar… uma coluna… significa que sua inobservância abala as estruturas da casa… Abala as estruturas da nossa vida…. Convidar, compartilhar nossa fé, proclamar as virtudes de Deus é uma coluna que compõe o fundamento de uma vida sábia. 5º Temor ao SENHOR – "O temor do Senhor é o princípio da sabedoria, e o conhecimento do Santo é entendimento.” Mais uma vez o Espírito Santo revela seu princípio fundamental de sabedoria para o Povo de Deus: O temor ao SENHOR! Deus é Deus! Nunca nos esqueçamos disso…. Tem gente que trata Deus só como um amigo… Ele é nosso amigo, certamente. Mas, lembre-se, um atributo de Deus não anula outro… Deus é Pai, Amor, Amigo, Justo, Santo, Juiz… Portanto, temor ao SENHOR é sempre lembrar que Deus requer de nós OBEDIÊNCIA e REVERÊNCIA ao seus preceitos e PALAVRA. Construir nossa vida sobre essa coluna nos dará felicidade. Desprezar essa coluna, nos levará à ruína. Simples assim. “Pois por meu intermédio [temor ao SENHOR] os seus dias serão multiplicados, e o tempo da sua vida se prolongará.” Pv 9:11 6º Sensatez/Prudência – “Deixem a companhia dos tolos e vivam. Sigam o caminho do conhecimento.” Lembro-me de uma música: “Tem nada não, isso é normal, eita coisinha que faz crente se dar mal…” Ora, para construir uma vida que vale a pena ser vivida, precisamos de uma dose de aventura, desafios, adrenalina… Mas, uma coisa é isso tudo associado à sensatez e prudência, pois dará uma experiência saudável, memorável e que será uma quadro para embelezar as salas da nossa existência. Outra coisa, porém, é ser imprudente, insensato, tolo, desajuizado… Isso é morte! O convite da insensatez faz com que “os convidados dela não saibam que aqueles que vão à sua casa morrem e que os que entraram já estão nas profundezas do mundo dos mortos.” Pv 9:18 7º Humildade para Disciplina – “Se você for sábio, o lucro será seu; se zombar de tudo, você mesmo sofrerá as consequências.” Às vezes é até desconcertante a objetividade da Palavra de Deus. Tem gente que acha Deus injusto… Mas, está claro na Palavra. Observemos atentamente e sejamos honestos com as nossas motivações, comportamentos e intenções de coração. Haverá injustiça da parte de Deus? Vou responder por mim mesmo, ok: “Não! Todas as vezes que eu me vi em sofrimento intenso, percebi uma tremenda falta de sabedoria da minha parte. Quando vi isso, percebi que Deus, na verdade, estava sendo misericordioso para comigo, pois, mesmo sofrendo, estava sendo cuidado por Deus…” Sejamos humildes em aceitar a disciplina do SENHOR. Construa sua vida em firmes fundamentos. Em colunas que são firmes para sustentar uma vida feliz, saudável e com vistas para a eternidade. Leia a Bíblia: 1 Coríntios capítulo 10 Filipenses capítulo 3 Provérbios, um capítulo por dia, todos os dias…

quarta-feira, 11 de outubro de 2017

O Deus que chama

Pv 8:1-3 (NTLH) “Escutem! A Sabedoria está gritando: a Compreensão está chamando em voz alta. A Sabedoria está no alto dos morros, na beira da estrada e nas encruzilhadas dos caminhos. Está na entrada da cidade, perto dos portões, gritando:…” Aqui, Sabedoria é figura de linguagem para se referir ao Próprio Deus, ou, mais particularmente, ao Senhor Jesus Cristo. (veja os versículos 22-31) Assim, o que temos é um chamado de Deus para a humanidade. Um chamado ao bom senso. Um chamado à prudência. Um chamado à verdade e ao entendimento da Vontade de Deus. É Deus chamando à Sabedoria. Deus chamando a Deus. Isso porque a sabedoria de Deus é um chamado à redenção. “Mas vós sois dele, em Cristo Jesus, o qual se nos tornou, da parte de Deus, sabedoria, e justiça, e santificação, e redenção” 1Co 1:30 Ora, basta olhar ao nosso redor para percebermos que Deus está nos chamando para Ele. Quando presenciamos injustiça e o nosso ser se estremece… É um chamado de Deus! Quando tememos que o pior nos aconteça ou aos nossos filhos… É um chamado de Deus! Quando nos entristecemos com discussões… É um chamado de Deus! Quando enfrentamos dificuldades em qualquer nível ou esfera… É um chamado de Deus! O importante é a resposta! Tem gente que responde o chamado de Deus se distanciando dEle! É, na verdade, uma fuga! Vai para a balada. Mergulha em drogas. Se entrega à morte…. As vezes, até comportamentos socialmente aprovados, são, na realidade, uma fuga de Deus… Viver dentro da casa dos familiares. Sempre buscar entretenimento, em todo o tempo. Atolar-se em trabalho. Isso tudo pode configurar uma fuga de Deus. Sondar o coração e honestidade na motivação pode contribuir para discernir entre o que é ou não é uma fuga... O fato é que Deus está sempre nos chamando! Qual tem sido a nossa resposta? “Portanto, quando vocês comem, ou bebem, ou fazem qualquer outra coisa, façam tudo para a glória de Deus.” 1Co 10:31 Uma oração eu faço: “SENHOR, ajuda-me a fazer o que eu faço para a Glória do SENHOR… amém.” Ou, como o salmista: “Uma coisa peço ao SENHOR, e a buscarei: que eu possa morar na Casa do SENHOR todos os dias da minha vida, para contemplar a beleza do SENHOR e meditar no seu templo.” Sl 27:4 Pois, “já não existe nenhuma condenação para as pessoas que estão unidas com Cristo Jesus.” Rm 8:1 Leia a Bíblia: 1 Coríntios capítulo 6 Gálatas capítulo 5 Provérbios, um capítulo por dia, todos os dias…

segunda-feira, 9 de outubro de 2017

Outros Conselhos

Pv 6
Outros Conselhos

O livro de Provérbios é sempre muito confrontador com a nossa natureza humana.

Alguns capítulos inteiros tratam de um assunto apenas. Outros tratam de dois ou três assuntos…

No capítulo 6, por exemplo, Salomão apresenta conselhos sobre algumas áreas importantes da vida.

Apresenta conselhos sobre como lidar com a questão de dinheiro e trabalho.
Empréstimo de dinheiro, combate à preguiça e força de vontade são tratados claramente na primeira parte do capítulo.

Também sobre vida conjugal e fidelidade, tema recorrente no livro. Sobre esse assunto já tratei na devocional anterior e que haverá outra oportunidade para tratar de novo...

Porém, entre esses dois assuntos, ele insere algo que, particularmente, chama a atenção pela gradação que ele dá a alguns comportamentos sociais.

Pv 6:16-19
“Existem sete coisas que o SENHOR Deus detesta e que não pode tolerar:
o olhar orgulhoso,
a língua mentirosa,
mãos que matam gente inocente,
a mente que faz planos perversos,
pés que se apressam para fazer o mal,
a testemunha falsa que diz mentiras
e a pessoa que provoca brigas entre amigos.”

Para o SENHOR, 6 coisas são detestáveis. Altivez, Mentira, Homicídio, Perversidade, Malignidade e Testemunho Falso. 

Essas coisas são detestáveis até para nós, que estamos sujeitos a cair nesses pecados. Agora, imagine o quanto Deus, Santo, detesta isso tudo!

Porém, tem algo que além de detestar, o SENHOR não tolera… Ele abomina! 
A semeadura de contendas entre irmãos. Ah, isso é terrível! Sim, porque quando uma pessoa se propõe a fazer isso, é porque ela já alimentou TODOS os demais comportamentos em seu coração. Ela está amargurada, completamente corroída pelo pecado, morrendo em sentimentos negativos, mergulhada em abismo de trevas…

Qual o remédio para isso?

Ora, o que desde o início o Espírito Santo tem revelado no livro de Provérbios…

Pv 1: 2-7
“Estes provérbios nos ajudam a dar valor à sabedoria e aos bons conselhos e a entender os pensamentos mais profundos. Eles nos ensinam a vivermos de maneira inteligente e a sermos corretos, justos e honestos. Podem também tornar sábia uma pessoa sem experiência e ensinar os moços a serem ajuizados. Estes provérbios aumentam a sabedoria dos sábios e orientam os instruídos, fazendo que entendam o significado escondido dos provérbios e dos ditados e compreendam os mistérios que os estudiosos procuram explicar.
Para ser sábio, é preciso primeiro temer a Deus, o SENHOR. Os tolos desprezam a sabedoria e não querem aprender.”

Ou seja, aproveitando a ocasião dos 500 anos da Reforma:
Somente as Escrituras – Sola Scriptura

Aprendamos a guardar no coração a Palavra de Deus para nos guardarmos daquilo que Ele detesta e abomina.


Leia a Bíblia: 
Filemon
Tiago capítulo 4
Provérbios, um capítulo por dia, todos os dias…



sexta-feira, 6 de outubro de 2017

Seja fiel à sua mulher e dê o seu amor somente a ela

Pv 5:15
“Seja fiel à sua mulher e dê o seu amor somente a ela.”

Recentemente ouvi uma palestrante dizendo que a concorrência é desleal quando se compara a mulher real com as mulheres mascaradas do mundo das celebridades.

Pode ser… Mas, quando há saciedade, há satisfação e alegria com a esposa, não existe razão para comparar a esposa com as “mascaradas” do lado de fora.

O fato é que um casamento deve ser construído com mutualidade, carinho, respeito e amor, dentre outras virtudes e práticas. Junta tudo isso e emparelha com a firmeza na Palavra de Deus, com o relacionamento com o SENHOR e a piedade resultante desse relacionamento santo e espiritual.

A colheita será abençoada e virtuosa, certamente.

“Portanto, alegre-se com a sua mulher, seja feliz com a moça com quem você casou, amorosa como uma corça, graciosa como uma gazela. Que ela cerque você com o seu amor, e que os seus encantos sempre o façam feliz!” Pv 5: 18-19

Ou, se preferir, a versão do Eugene Peterson (A Mensagem):
“Alegre-se com a sua esposa e companheira desde jovem,
Que é amável como um anjo, linda como uma flor —
nunca deixe de se deleitar em seu corpo.
Nunca ache que o amor está garantido para sempre,
mas conquiste a mesma mulher todos os dias.”

Marido e Esposa, ambos devem buscar a realidade aplicada no relacionamento conjugal conforme a Bíblia apresenta, de acordo a com a vontade de Deus e legítimo entendimento da sabedoria.

Assim, a concorrência será desleal mesmo… Mas, no sentido de que ninguém será páreo para os cônjuges, esposo e esposa, que vivem a vontade de Deus no seu casamento. Serão como “o cordão de três dobras que não se rebenta com facilidade.” Ec 4:12

Leia a Bíblia: 
Efésios capítulo 5
1 Coríntios capítulo 7
Provérbios, um capítulo por dia, todos os dias…



quinta-feira, 5 de outubro de 2017

Ensinando os filhos

Pv 4:1-4 (NTLH)
“Filhos, escutem o que o seu pai ensina. Prestem atenção e compreenderão as coisas. O que eu ensino é bom; portanto, lembrem dos meus conselhos.
Quando eu era menino, filho único dos meus pais, o meu pai me ensinava, dizendo:
— Lembre das minhas palavras e nunca as esqueça. Faça o que eu digo e você viverá.”

Um desafio enorme está sobre o ofício dos pais, ensinar os seus filhos a vida.

O ensinar para a vida requer um conjunto de fazeres que envolve tempo, disposição e investimento. Não dá para terceirizar tudo… Mas, também não dá para fazer tudo…

Aí entram a escola, a igreja, o cursinho, a academia, os livros, os filmes e etc. Todavia, é com a família que o conjunto dessas ações receberão os filtros necessários, as medidas cautelares e o descarte inevitável do que não convém. O resultado disso pode ser chamado de Educação.

Mário Sérgio Cortella, diz: “As famílias confundem escolarização com educação. É preciso lembrar que a escolarização é apenas uma parte da educação. Educar é tarefa da família.

Essa tarefa da família exige um preço. “Para ter sabedoria, é preciso primeiro pagar o seu preço. Use tudo o que você tem para conseguir a compreensão.” Pv 4:7

E as famílias têm investido muito nessa tarefa. Todavia, muitas desprezam o que tem de mais valioso, importante, perene e eterno: O ensino das Escrituras.

Observe a preciosidade desse texto bíblico:
Pv 4:10-19
“Escute, meu filho. Aceite o que estou dizendo e você terá uma vida longa. Eu lhe tenho ensinado o caminho da sabedoria e a maneira certa de viver. Se você andar sabiamente, nada atrapalhará o seu caminho, e você não tropeçará quando correr. Lembre sempre daquilo que aprendeu. A sua educação é a sua vida; guarde-a bem. Não vá aonde vão os maus. Não siga o exemplo deles. Não faça o que eles fazem. Afaste-se do mal. Desvie-se dele e passe de lado. Os maus não podem dormir sem ter feito alguma coisa má; eles ficam acordados até conseguirem prejudicar alguém. Porque para eles a maldade e a violência são comida e bebida.
A estrada em que caminham as pessoas direitas é como a luz da aurora, que brilha cada vez mais até ser dia claro. Mas a estrada dos maus é escura como a noite; eles caem e não podem ver no que foi que tropeçaram.”

Observou? Reflita se a passagem representa bem o que você deseja para o seu filho. A orientação que você daria ao seu filho quando ele está para sair de casa para uma festa com os amigos.

É uma pena que muitas famílias têm desprezado o ensino das Escrituras…

Desprezam quando deixam de levar seus filhos à Escola Dominical, ao Culto, à Igreja…

Desprezam quando valorizam mais o que o sistema secular oferece do que a Palavra de Deus orienta, invertendo os valores priorizando o secular, material em detrimento do santo e espiritual.

Desprezam quando o que pensam é superior ao que a Bíblia ensina…

“Tenha cuidado com o que você pensa, pois a sua vida é dirigida pelos seus pensamentos.” Pv 4:23

Mas, feliz será a família que se lembrar e amar as orientações bíblicas…
“Elas darão vida longa e saúde a quem entendê-las.” Pv 4:22

Leia a Bíblia: 
Colossenses capítulos 2 e 3
Efésios capítulo 4
Provérbios, um capítulo por dia, todos os dias…



quarta-feira, 4 de outubro de 2017

Como Alcançar Vida Agradável e Feliz.

Pv 3:21-26 (NTLH)
Filho, tenha sempre sabedoria e compreensão e nunca deixe que elas se afastem de você. Elas lhe darão vida, uma vida agradável e feliz. Você caminhará seguro e não tropeçará. Quando se deitar, não terá medo, e o seu sono será tranquilo a noite inteira. Você não ficará preocupado com os desastres que caem de repente como uma tempestade sobre os maus. Pois o SENHOR Deus lhe dará segurança e nunca deixará você cair numa armadilha.

Como Alcançar Vida Agradável e Feliz.

Todos almejam. Todos buscam. Afinal, quem não quer uma vida agradável e feliz?

Entretanto, a busca pela vida agradável e feliz tem um princípio, a saber, a sabedoria.

Só a verdadeira sabedoria é capaz de oferecer discernimento do caminho que leva à paz, felicidade e vida agradável. Só a sabedoria tem instrumentos que nos livram do mal, perigos, enganos e desastres. Só a sabedoria oferece luz em meio as trevas, firmeza em meio ao abalo, segurança em meio à tragédia.

Mas, como adquirir sabedoria?

Ora, “o temor do SENHOR é o princípio da sabedoria…”, pois só “o SENHOR Deus lhe dará segurança e nunca deixará você cair numa armadilha.”

Em outras Palavras:
“tema a Deus e obedeça aos seus mandamentos porque foi para isso que fomos criados. Nós teremos de prestar contas a Deus de tudo o que fizermos e até daquilo que fizermos em segredo, seja o bem ou o mal.”

Como viver isso?

Ora, siga a orientação dada a Josué, que achou vida agradável e feliz:
“Pegue o Livro da Lei [Bíblia Sagrada]. Estude esse livro dia e noite e se esforce para viver de acordo com tudo o que está escrito nele. Se fizer isso, tudo lhe correrá bem, e você terá sucesso.”

É simples, mas exige uma atitude.

Você vai fazer o quê?

Leia a Bíblia: 
Provérbios, um capítulo por dia, todos os dias…
Josué capítulos 1 e 2
Apocalipse capítulos 1 a 3