Finalidade deste Blog

Olá, seja muito bem-vindo ao meu blog. Nele você encontrará textos de vários autores, inclusive o meu, é claro. Decidi fazer este blog para expressar meus pensamentos e minhas quimeras. Também estarei compartilhando mensagens bíblicas em texto e audio. Meu desejo é que você seja edificado. Então, deixe seu comentário e vejamos como nos edificaremos.

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Feliz Natal

Mas o anjo disse: Não tenham medo! Estou aqui a fim de trazer uma boa notícia para vocês, e ela será motivo de grande alegria também para todo o povo! Hoje mesmo, na cidade de Davi, nasceu o Salvador de vocês, o Messias, o Senhor! Esta será a prova: vocês encontrarão uma criancinha enrolada em panos e deitada numa manjedoura. No mesmo instante apareceu junto com o anjo uma multidão de outros anjos, como se fosse um exército celestial. Eles cantavam hinos de louvor a Deus, dizendo: Glória a Deus nas maiores alturas do céu! E paz na terra para as pessoas a quem ele quer bem! (Lc 2.10-14)

É bem verdade que há muita controvérsia acerca do natal. Discussões sobre a data, a festa, o homenageado e as figuras natalinas esquentam os processadores dos computadores em busca de saber quem está com a razão. Apesar de ser apropriado o cristão saber mais sobre uma data tão comemorada na maior parte do mundo, a briga pela desvinculação do natal com o nascimento de Jesus é, certamente, perda de tempo. Isso porque além de ter uma figura sublime, a saber, Jesus Cristo, no âmago da comemoração do natal, a cultura natalina é uma oportunidade para nós, cristãos, aproveitarmos para evangelização.

Ao invés de lutarmos horas contra a ideologia de alguém, devemos aproveitar que a maioria das pessoas nesta época está com coração aberto para mensagens e receptiva aos convites para as cantatas, para as dramatizações e até para cultos natalinos (obviamente que cultos objetivando, além da adoração ao Senhor, o “nascimento” de Jesus nos corações das pessoas).

Isso nos faz lembrar da ocasião do nascimento de Jesus. O texto do evangelho segundo Lucas mostra-nos algumas atitudes interessantes na ocasião. Vejamos:

  • E paz na terra para as pessoas a quem ele quer bem!.— Devemos sempre nos lembrar que o desejo de Deus é que os homens vivam em paz, buscando o bem para todos. Assim, aproveitamos o natal para declarar que “Deus, sendo rico em misericórdia, por causa do grande amor com que nos amou, [...] para mostrar, nos séculos vindouros, a suprema riqueza da sua graça, em bondade para conosco, em Cristo Jesus. Pois pela graça de Deus vocês são salvos por meio da fé. Isso não vem de vocês, mas é um presente dado por Deus.“ (Ef 2.4-8). Dessa forma, não despreze ninguém, pois o ser humano é alvo do amor de Deus.

  • Estou aqui a fim de trazer uma boa notícia para vocês, e ela será motivo de grande alegria também para todo o povo!.—Ora, o natal oferece ambiente para darmos boas notícias aos nossos parentes e amigos, pois é uma das épocas em que a família geralmente está reunida em torno da confraternização, da ceia, dos presentes e, agora, da mensagem do evangelho de Jesus Cristo. Portanto, faça uma oração de gratidão a Deus, compartilhe como você está feliz na presença de Deus, fale o que Jesus representa para você, tudo isso com muita graça e alegria, com amor e respeito, com paciência e esperança, pois a Palavra nunca retornará vazia.

  • Eles cantavam hinos de louvor a Deus—Celebre a vida! Cante, sorria. Adore ao Senhor pelo que Ele é e pelo que Ele representa em sua vida. Louve a Deus, pois apesar de todas as dificuldades e aflições enfrentadas, às vezes até mesmo fatalidades na família, o Senhor nos manteve aqui na terra para o cumprimento de um propósito superior ao nosso sofrimento. O propósito de sermos d’Ele e refletirmos a sua glória a todos que nos cercam. Portanto, deixemos as frustrações e carreguemo-nos de novo com mais uma porção de esperança e louvor para o ano vindouro, afinal, “O amor do SENHOR Deus não se acaba, e a sua bondade não tem fim. Esse amor e essa bondade são novos todas as manhãs; e como é grande a fidelidade do SENHOR! Deus é tudo o que tenho; por isso, confio nele.” (Lm 3.22-24)

Que diremos, pois, a vista desse testemunho? Para mim, só me resta desejar-lhe um feliz natal e continuar celebrando a Cristo Jesus, o Senhor, por toda a minha vida, em todos os momentos, inclusive no natal.

Abraços,
Marcelo.

Nenhum comentário: